Dieta sem carboidrato

Uma dieta sem carboidrato visa perda de peso rápida e eficaz, principalmente para quem não tem tempo para seguir uma reeducação alimentar no momento.

Os carboidratos são substâncias facilmente encontradas nos alimentos mais comuns, e carregam maior parte das calorias de todas as refeições. Convertidos em açúcares pelo nosso organismo, fornecem energia para o corpo e, quando consumidos em excesso acumulam na forma de gordura.

Desse jeito, os carboidratos são vilões quando o assunto é perda de peso, o tem levado cada vez mais pessoas a abandonar uma dieta que carregue carboidratos na composição.

Como montar Dieta sem Carboidrato?

Como o próprio nome diz, essa dieta visa o corte quase que total dos carboidratos. Não há como cortar 100% dos carboidratos de uma dieta, haja vista que quase todos os alimentos apresentam esse nutriente em sua composição.

O cardápio correto para essa dieta deve compor diversos alimentos, de forma que o corpo consuma os nutrientes necessários, mas o mínimo de carboidrato possível. Visto isso, separamos uma lista de alimentos liberados.

Dieta sem carboidrato

Alimentos com poucos Carboidratos

  • Vegetais: Eis alguns vegetais que estão liberados para consumo nessa dieta: Pimentão, espinafre, alface, cebola, couve-flor, brócolis, couve, cenoura e beterraba. Evite os ricos em carboidratos, como: batatas, arroz, milho e soja.
  • Carnes: De modo geral, todos os tipos de carnes possuem pouco carboidrato. São, em sua maioria, constituídas de vitaminas e proteínas. Tanto carnes de peixes e frangos, quanto bovinas e suínas podem incorporar o cardápio.
  • Óleos Vegetais: Livres de carboidratos, esses óleos podem ser usados na cozinha sem medo. Óleo de soja, girassol, coco e azeites se enquadram nessa categoria.
  • Oleaginosas: castanhas são ricas em selênio, magnésio, e quase não apresentam carboidratos. São ótimas opções para lanches entre as principais refeições: amêndoas, nozes e macadâmias.
  • Frutas: Em sua maioria são carregadas de carboidrato, então é melhor maneirar. A única fruta liberada nesse tipo de dieta é o abacate, rico apenas em gorduras boas para a saúde.
  • Derivados do Leite: O leite em si é comumente evitado em dieta sem carboidrato, porém alguns de seus derivados podem ser consumidos sem exagero. São eles: queijos, manteiga e iogurtes. Procure sempre optar pelas versões lights e desnatadas.
  • Temperos: Os temperos são a melhor forma de adicionar sabor aos alimentos, principalmente quando o intuito é perder peso (o que implica na diminuição da ingestão de sal). Pimentas, alecrim, coentro, orégano, entre outros, estão liberados nesse plano alimentar.
  • Ovos: ótima fonte de proteínas, o ovo possui poucos carboidratos e é uma ótima opção para o café-da-manhã, já que fornece energia para o corpo começar bem o dia.
  • Bebidas: Os sucos, mesmo que naturais, são carregados de carboidratos (já que são feitos a partir de frutas que, como dito acima, são ricas nesse nutriente). Refrigerantes são ricos em açúcares, o que é péssimo para saúde. Nesse caso, recomenda-se ingestão de água, chás e cafés.

Advertências:

Uma dieta sem carboidrato não pode ultrapassar os 7 dias, já que a ausência de carboidratos pode trazer malefícios ao organismo. Se necessário, intercale uma semana dessa dieta e uma sem.

Leave a Reply