Aprenda Como Fazer Reeducação Alimentar em 10 Passos

A reeducação alimentar é uma estratégia que permite emagrecer sem correr o risco de voltar a engordar. Veja como começar de forma fácil.

reeducação alimentar

Desta forma, é possível experimentar novos alimentos e diminuir as porções durante as refeições.

Assim, é possível emagrecer de forma saudável sem ter que recorrer a remédios ou cirurgia.

Porém, para que os resultados sejam definitivos, é importante que as mudanças nos hábitos alimentares sejam acompanhadas da prática de atividade física regular.

A reeducação alimentar é, sem dúvida, o melhor caminho para emagrecer com saúde e consiste em incluir alimentos saudáveis ​​como frutas, vegetais, grãos e carnes com baixo teor de gordura na dieta.

Logo, visa também deixar de consumir alimentos como bolos, biscoitos, refrigerantes, sanduíches e refeições com alto teor de açúcar.

O ideal seria que a reeducação alimentar seja orientada por um nutricionista, pois deve ser um processo gradual e deve levar em consideração os hábitos alimentares e o estilo de vida anterior.

Além disso, o nutricionista pode fazer uma avaliação e definir quantos quilos precisam ser perdidos para se ter o peso ideal.

Tudo considerando a altura, gênero, idade e também condições de saúde.

Aprenda Como Fazer Reeducação Alimentar em 10 Passos

reeducação alimentar

Então, as etapas que devemos seguir para fazer a reeducação alimentar consistem em:

1.   Saiba o Que é Reeducação Alimentar

A priori, é preciso entender, de fato, o que é uma reeducação alimentar e qual a sua importância. Caso contrário, será bem difícil segui-la.

Fazer as mudanças com consciência torna as coisas mais leves e nos permite errar e recomeçar sempre.

2.   Beba Pelo Menos 2 Litros De Água Por Dia

A hidratação com água é muito importante porque ela não possui calorias e limpa o corpo, facilitando a desintoxicação.

O ideal mesmo é tomar entre 1,5 a 2 litros de água. Se tiver dificuldade para beber essa quantidade, tente colocar um pedaço de gengibre ou espremer meio limão em uma garrafa térmica com água gelada e beber durante o dia a dia.

Outra opção de ingerir mais líquidos é beber chá sem adoçar, mas nunca beber:

  • Sucos industrializados;
  • Refrigerantes;
  • Sucos naturais com ou sem açúcar, pois fornecem calorias extras;

3.   Coma a Cada 3 horas na Reeducação Alimentar

Comer a cada 3 horas é o ideal, pois assim o nível de glicose no sangue fica mais estável e sentimos menos fome.

Além disso, aumentamos o nível de concentração e temos mais energia para realizar tarefas diárias.

Para conseguir comer a cada 3 horas, deve-se consumir uma porção menor de alimento em cada refeição, que deve ser composta por: café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e lanche noturno que pode seja opcional.

Se não está acostumado a fazer lanches, tente comer menos no café da manhã e no almoço;

O mesmo também acontece se tiver dificuldade em fazer o café da manhã, basta comer menos no jantar.

4.   Reeduque o Paladar

Uma maneira de comer alimentos mais saudáveis é educar o paladar.

Sem dúvida, as saladas, sopas e vegetais cozidos ficam mais saborosos quando deixamos de comer alimentos industrializados com aromatizantes e outros químicos.

Se não gosta de certo alimento e sabe-se que é importante ser nutritivo e pouco calórico, experimente-o várias vezes.

Cozinhe-o de diferentes formas e verá que com o tempo se acostumará.

Em suma, tudo é uma questão de adaptação, mas não se preocupe se em alguns casos realmente não der.

É importante experimentar novas receitas e sempre optar por alimentos integrais, pois eles diminuem a fome e regulam a função intestinal.

Tente também cozinhar em casa. Reduza frituras açúcar e fast food.

Em vez disso vale consumir pelo menos 2 a 3 frutas por dia, inclusive podem ser ótimas sobremesas.

Mas não queira fazer a mudança de uma só vez. A dica é começar fazendo pequenas mudanças a cada semana. Seu processo não deve ser doloroso.

Quando falo que seria bom consultar um nutricionista é porque a quantidade de porções nas refeições deve ser definida considerando pontos importantes.

Por exemplo, uma pessoa que pratica atividades físicas precisa de mais calorias do que a sedentária.

Para saber exatamente quantos quilos você precisa perder para atingir o corpo ideal, pode usar uma calculadora online.

Perder peso por meio da reeducação alimentar é emagrecer com saúde. Embora a perda de peso demore um pouco, ela é duradora.

Alimentar-se corretamente reduz o risco de ter um efeito sanfona ou rebote, muito comum em dietas restritivas.

Outra sugestão é dar cor aos alimentos, o que os torna bem atraentes aos olhos.

Além disso, a atividade física deve ser praticada pelo menos 3 vezes por semana. Isso se desejar resultados efetivos e rápidos.

5.   Aprenda Fazer Mudanças

Acima de qualquer coisa, essa deve ser uma decisão consciente. Você quer comer um doce? Saiba que é possível trocá-lo por iogurte, por exemplo.

Por isso, é importante aprendermos a ler rótulos. Esta é a única maneira de comparar o valor nutricional dos alimentos.

6.   Defina Horários

Comece a comer na hora certa. O ideal é sempre comer de 3 a 3 horas. Também é bom não ficar beliscando ao longo do dia.

Caso sinta vontade de comer depois dos lanches, escove os dentes e procure algo para fazer. Ocupe a mente!

7.   Deixe o Prato Colorido

reeducação alimentar

Quanto mais colorido, melhor! Um prato saudável e balanceado deve ter cinco cores e quatro grupos de alimentos.

Logo, não se deve excluir frutas, legumes e verduras do cardápio.

8.   Coma Porções Menores

Atualmente comemos muito mais do que precisamos. Comer tornou-se uma fonte de prazer.

Talvez porque estamos sempre frustrados com alguma coisa, resolvemos buscar satisfação na alimentação.

Sendo assim, mudar o cardápio é vital. Também é preciso reduzir a quantidade ingerida. Usar pratos menores pode ajudar a comer menos.

No entanto, isso não significa que devemos evitar alimentos saudáveis durante o dia. Lembre-se que estamos falando sobre reeducação alimentar.

Caso sinta fome entre as refeições, o ideal é comer uma fruta ou chips de coco, por exemplo.

9.   Mastigue bem a comida

Por fim, vamos pensar em aproveitar mais o momento das refeições? Sei que na correria isso pode ser difícil, mas tente.

Quando mastigamos os alimentos com calma, evitamos aquela sensação de peso no estômago. Contudo, passamos a mensagem certa ao cérebro. Mensagem de satisfação.

É importante comer devagar e mastigar, em média, de 20 a 30 vezes cada garfada.

10.       Coma à Mesa

Receba este conselho sobre reeducação alimentar. Comer vendo televisão não é bom.

M suma, essa distração nos faz comer mais do que deveríamos, pois o cérebro não percebe a informação de que estamos saciados.

Por fim, devemos comer prestando atenção na comida, no estômago, no sabor de cada alimento.

Alguns suplementos podem ajudar na jornada para perder peso com reeducação alimentar. Leia o post sobre Fexadrol Funciona e vai se surpreender!

Meta descrição: A reeducação alimentar é uma estratégia que permite emagrecer sem correr o risco de voltar a engordar. Veja como começar de forma fácil.

Palavra-chave: reeducação alimentar

Tags: como fazer reeducação alimentar, o que é reeducação alimentar, emagrecer com saúde